Como cultivar Taioba

Como cultivar Taioba

Benefícios da Taioba

Propriedades, vitaminas e nutrientes da Taioba

A taioba é um vegetal comum em muitas hortas caseiras, principalmente em Minas Gerais, mas curiosamente é pouco consumido pelos brasileiros, afinal não é tão vendido em feiras e supermercados. As folhas são parecidas com as de inhame – algo de certa forma perigoso, pois as de inhame não são comestíveis – com o diferencial que no caso da taioba o caule está próximo à folha. A planta desconhecida merece entrar no cardápio diário de todos, afinal ela é riquíssima em nutrientes que são indispensáveis a boa saúde.

Geralmente a taioba é utilizada em preparos de bolinhos, vitaminas verdes especiais, recheios de pizzas e crepes, no tempero de sopas ou em refogados com alho. Há, portanto, uma gama de opções para colocar o vegetal no dia a dia de maneira natural e deliciosa.

 

Em sua composição, encontramos cálcio, fósforo, ferro, proteínas e uma grande quantidade de vitaminas: vitamina A, vitaminas B1, B2 e C. Tanto o talo quanto as folhas apresentam os mesmos elementos, apenas em proporções diferentes. Nas folhas, encontramos mais ferro e mais vitamina A. O valor energético para cada 100g de talo é de 24 calorias, enquanto que, nas folhas, temos 31 calorias para as mesmas 100g.

A taioba, cujo nome científico é Xanthosoma sagittifolium (L.) Schott, vulgarmente conhecida por orelha-de-elefante, macabo, mangarás, mangará-mirim, mangareto, mangarito, taioba, taiá ou yautia, é uma espécie da família das Araceae, originária da América Central e hoje largamente cultivada nas regiões tropicais e subtropicais,

Uso da Taioba

A Taioba, uma verdura praticamente esquecida, é muito saborosa, seu sabor se assemelha ao do espinafre, porém é um pouco mais suave. A verdura nunca deve ser consumida crua, já que possui oxalatos de cálcio que são capazes de irritar a garganta. Apesar disso, seu cozimento não prejudica a oferta de minerais importantes como o magnésio e o ferro.

A taioba é parente do inhame, alimento que está tornado-se popular, pelo seu delicioso sabor e propriedades curativas.

Toda a planta pode ser consumida, as folhas, flores, talos e rizomas, sempre cozidos para uso interno ou ralados crus para emplastros no edema reumático.

A fécula da taioba, extraída da raiz, possui 85% de amido, sendo uma boa opção de alimento energético.

Ainda no Brasil, uma das iniciativas que tenta integrar a taioba ao cultivo comercial em estímulo à agricultura familiar é desenvolvida pela Embrapa Hortaliças, em Gama, DF.

Propriedades e indicações da Taioba

Depurativa.

Controle do ciclo visual.

Regula o sistema neurológico.

Regula a imunidade.

Combate o stress.

Combate a prisão de ventre.

Fortalece ossos e dentes.

Combate a anemia.

Combate a osteoporose.

Emoliente.

Cicatrizante.

Promove cicatrização de úlceras.

Rica fonte de amido, que dá energia ao organismo.

Reduz o risco de doenças cardiovasculares.

Reduz a incidência de câncer de cólon.

 

Todo mundo pode ter taioba em casa, pois ela gasta pouco espaço, e é muito fácil de ser cultivada.

Nossa empresa, comercializa mudas de taiobas prontas para o plantio, totalmente saldáveis, livre de doenças, e também o adubo para Taioba, e ainda entregamos em todo o Brasil, para comprar basta entrar em contato na aba contato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X